PDF Archive

Easily share your PDF documents with your contacts, on the Web and Social Networks.

Send a file File manager PDF Toolbox Search Help Contact



antro .pdf


Original filename: antro.pdf

This PDF 1.4 document has been generated by Writer / LibreOffice 4.1, and has been sent on pdf-archive.com on 14/12/2016 at 09:59, from IP address 187.61.x.x. The current document download page has been viewed 93 times.
File size: 37 KB (1 page).
Privacy: public file




Download original PDF file









Document preview


ANTRO
Os meninos seguem um modelo diferente das meninas. Em questão, eles se inspiraram em um
mais agressivo, feroz, mesmo que essas atitudes sejam apenas demonstrações de insegurança. Esse
posicionamento agressivo é como uma resposta para atitudes hostil de outras pessoas, a ponto de que
qualquer brincadeira pode se tornar uma expressão de inamizade. Eles também são inseguros quanto
ao companheirismo com suas esposas. Por isso antes de tomar médidas drásticas eles pensam muito
antes de executá-las.
O medo também parte de um grupo de homens chamados de WARIBIM, homens das Planícies. As
crianças sempre são alertadas para tomar cuidado com o que fazem para não dar nenhuma brecha
para um desses homem a enfeitiçar. Esses indivíduos passam a dar uma parte da sua preocupação
com o medo da morte, da infelicidade, e a criança acaba achando que isso deve ser só temido de
estranhos, tornando esse comportamento compulsivo em um adulto Arapesh.
Os Arapesh por não possuirem qualquer válvula de escape como um: esporte violento, brigas
cotidianas etc, quando se deparam com uma situação de ira ficam sem saber o que fazer. E é daí que
vem esse medo pelo o inimigo, já que eles são ou amigos completos ou rivais por completo. Toda a
hostilidade que é passada por esse indivíduo se torna algo completamente neutro, sem remorso, em
suma, já que em sua infância aprendeu a evitar qualquer que seja a coisa que o encoraje de ser
agresssivo. A consequência disto se torna este fato sobre a hostilidade.
Entre as crianças, meninos e meninas possuem uma diferença bastante grande em suas
experiências de vida. Enquanto elas fazem trabalhos mais relacionados a uma colheita ou uma festa,
os meninos caçam ao lado de seu pai ou irmão, tanto como outros trabalhos em expedições na mata.
Essas situações assume um pouco a instabilidade que os Arapesh possuem, já que esses indivíduos
se separam, sejam em aldeias pequenas ou em matas. E tudo isso, como uma placa de madeira
entelhada por exemplo, no futuro passará a ser dessas crianças. Por isso são ensinadas a respeitar à
propriedade alheia e a própria, sempre com a preocupação a mais com as coisas dos outros.


Document preview antro.pdf - page 1/1

Related documents


PDF Document antro
PDF Document moore
PDF Document como importar calcados femininos bolsas e tenis dos eua
PDF Document lei da atraco
PDF Document livro para ler no celular
PDF Document cenas ativistas


Related keywords