PDF Archive

Easily share your PDF documents with your contacts, on the Web and Social Networks.

Send a file File manager PDF Toolbox Search Help Contact



2008 Alessandra Mendonça .pdf



Original filename: 2008 - Alessandra Mendonça.pdf
Author: eu

This PDF 1.5 document has been generated by Microsoft® Word 2013, and has been sent on pdf-archive.com on 17/06/2017 at 15:04, from IP address 85.138.x.x. The current document download page has been viewed 343 times.
File size: 69 KB (3 pages).
Privacy: public file




Download original PDF file









Document preview


2008
Nome - Alessandra Mendonça
Cidade Natal - João Pessoa - Nordeste - Brasil
Web Site pessoal - www.alessandratoptransex.com
Você é uma Transexual Brasileira, de que Cidade do Brasil?
Sou natural de João Pessoa, região Nordeste do Brasil, embora que morando no Rio de Janeiro!
Você decidiu vir para Europa...porque Portugal?
Na realidade qd vim para Portugal eu já estava na Europa, na Suíça… vim para cá pq recebi um convite de uma
amiga minha, já estava na Em Lausanne por um ano, era uma época que estavam a controlar muitos estrangeiros
e eu não tinha residência lá.
Como foi sua chegada a Portugal?
Ài foi tranquila, já começando a trabalhar dois dias depois no prazermáximo.net, antiga casa da Av. Da República…
Estranhou a nossa cultura ou sentiu-se em casa?
Estranhei muuuuito, apesar de terem algo parecido conosco, são bastante diferentes, a primeira impressão de
semelhança é logo quebrada com a convivência…portuguêses tem sangue quente de brasileiros, mas o coração
frio como os europeus… infelizmente.
Actualmente você vive no Porto, porque escolheu essa Cidade para viver?
Eu morava em Lisboa e surgiu uma oportunidade de trabalhar por uma temporada no Porto, lá em pouco tempo fiz
mais amizades do que em um ano praticamente em Lisboa, consegui apartamento com a ajuda de amigos de lá,
coisa que Lisboa nunca me forneceu oportunidade… a recepção calorosa dos tripeiros me fizeram criar referências
no Norte… fui literalmente conquistada pelo calor humano de lá.. Mas adoro Lisboa tb sem dúvidas...
Em relação á Capital o que tem a dizer?
Lisboa é uma cidade fantástica, cheia de referências pra nós brasileiros a começar pela nossa história entrelaçada,
é uma cidade que tem muitas opções, algum glamour, o maravilhoso bairro alto, gente linda, uma noite divertida,
bons restaurantes, vida cultural relativamente satisfatória, já me diverti muuuito em Lisboa…até gostaria de viver a
experiência de morar em Lisboa outra vez.
Sabemos que você foi muito bem recebida pelos Portugueses, mas já tivemos casos de Transexuais que
foram bem recebidas mas acabaram por se darem mal. Como é actualmente sua relação com os Portugueses?
Minha relação com os portugueses é como com toda a gente de todo o mundo, respeito para ser respeitada,
recebo todos os meus clientes com carinho, a resposta é que consigo estar por tanto tempo aqui trabalhando
satisfatoriamente. Não tenho desafectos tb não sou desafecto de ninguém, não que eu "saiba" pelo menos.risos.
Indo um pouco até ao seu passado...Quando você se descobriu uma “menina” de fato?
Na realidade eu nunca entendi direito pq diziam que eu era um menino…rssss… nunca me identifiquei com isso…
a única coisa que gosto em mim é o sexo masculino em si, pq isso me me dá um poder que as outras mulheres
não tem… sou uma mulher que tb pode ser o homem na relação, adoro possuir um homem, vê-lo se perder de
sua identidade sexual para fazer o papel de uma mulher para mim.
Sua família ou pessoas próximas apoiaram?
Sim e não… foram contra mas nunca me proibiram de nada… tive o direito a buscar a minha felicidade como eu
quis… hoje me dou bem com a minha família, sinto que me amam como sempre, me poiam e torcem por mim!!
Tive a minha mãe, irmã e sobrinhas em Dezembro a visitar-me….foi maravilhoso!
Todos sabemos que uma transexy na escola e em ambientes do tipo sofrem preconceito como foi para você?
Eu na escola sofria o sarcasmo e a ironia de alguns pela minha feminilidade que não conseguia disfarçar… para
mim isso era intolerável, queria ser aceita como eu era, embora nunca tenha me sentido acolhida de fato por
todos…tive amigos verdadeiros que foram muito importantes pra mim nos tempos da escola, é como toda a gente,
não agradamos a todos…rsss…
Com que idade você começou a fazer programas?
Na época da faculdade, comecei a me sentir usada por procurar um amor, um companheiro e só achava gente
promíscua, me sentia usada…mas eu adorava o sexo e resolvi tirar proveito disso… as portas de trabalho estavam
se fechando cada vez mais devido a minha aparência cada vez mais feminina… então como disse a Camila de
Castro “decidi virar poeira e fazer o que vim pra fazer.”
Já nao queria se vista e reconhecida por algúem que pertencia ao sexo masculino…
Resolvi seguir as indicações que o meu destino sempre apontou…
Sua primeira experiência sexual como foi, pode nos contar?
Ái foi estranha, era um homem mais velho… depravado… fui ativa com ele… me senti a mais depravada das
mulheres… foi gostosa a sensação… muito embora isso hoje só exista qd eu não esteja apaixonada… pra mim o
amor foi esteve sempre no começo e no final de tudo… qd não é assim fica a sensação de um enorme vazio… de
ansiedade, que abafo com o sexo!
Muitas transexuais são frustradas por relacionamentos que acabam mal, como vai esse coraçãozinho hoje em
dia?
Não acho que estar frustrada por relacionamentos de finais infelizes seja uma característica das transex
somente…todas as pessoas tem amores frustrados… as transexuais não sabem bem como chegar onde querem
em relação ao amor, pq não compreendem a fraqueza do parceiro… já não se preocupam mais com tantas
satisfações a dar a sociedade, e a maioria dos homens tem rabo preso… na realidade frustrado está quem não
busca o que quer ou que renega seus próprios anseios… quem nos frustra é pq tb está frustrado… mas nossa
frustração logo passa… pq somos como gostaríamos de ser… o que não é o caso de muita gente por aí. A
felicidade estar em buscar aquilo que nos dê felicidade… e não em aceitar que temos que nos comportar como os
outros gostariam!
Você prefere ser ativa ou passiva ou gosta dos dois quando vai para cama com alguém sem ser por razões
profissionais?

Adoro ser ativa….mas danço conforme a música…embora que não admito que o homem ignore o meu sexo…ou
não goste dele!Não sou nenhum gay passivo… sou uma mulher transexual… bem diferente!
Nos programas o que a maioria dos clientes gosta, ser passivos, ativos ou misto?
A maioria gosta de ser passivo… embora haja de tudo… tenho amigas que tem muitos clientes activos…acho que
isso varia um pouco de acordo com o desejo pessoal de cada uma delas, tipo de publicidade, percebo que os
clientes gostam de nos satisfazer como mulheres que tem pênis… RISOS..
Já te aconteceu algo que você julgue bizarro num programa?
Muitas coisas… já recebi um homem com uma laranja bem grande dentro do cu…antes de fazer o programa ele
fez força para pô-la para fora…parecia que ele estava pondo um ovo….risos…de certa forma era um ovo sim, pq
ela era uma galinha na cama…kakaka….outra vez vi um chupar o próprio pénis… já outro veio com roupas de
homem normalmente mas com um salto scarpin vermelho desde a rua… são tantos comportamentos excêntricos
que já vi… ih se fosse contar… daria um livro.
O mais bizarro e que de vez enquanto acontece, é qd um homem depois de fazer o programa diz que não vai fazer
mais isso…arrependido…e com um mês esta de volta com um sorriso amarelo na cara!
Você tem algum fetiche especifico que possa nos contar?
Visitem meu site : www.alessandratoptransex.com lá conto tudo….Em "Diários Trans" .
Alessandra você é uma das poucas do meio que tenta sempre inovar, seja com blog e relatos ou com novo
site e novos ensaios fotográficos, iso tem sido vantajoso pra você profissionalmente?
Pergunta capciosa essa… acho que tudo que fazemos de coração vale a pena… basta acreditar… o que funciona
para uns pode não funcionar para outros"," pq nem tudo o que eu quero é o que realmente outra pessoa possa
querer…copiar uma ideia de alguem sem que isso seja verdade dentro de si só levará ao fracasso, há que se ter
conteúdo para preencher uma ideia, um intento…cada um que encontre seus próprios meios…é o meu conselho!
Sendo assim tendo ou não o resultado esperado, teremos sempre a sensação de que estamos no caminho
certo….sem nos perdermos dele!
O seu blog já é sucesso, alcançando uma boa média de visitas por dia. Como você explica este fenômeno?
Acho que expliquei na resposta acima…eu sabia o que queria, qd fiz o blog… tenho uma história dentro do mundo
do sexo… e muita coisa pra contar da minha vida que não se refere a ele( o sexo) …quem me conheceu pelo
sexo agora vai poder saber com quem esteve pra muito além de uma gozada somente!
A divulgação de fotos por sites e agencias de programas vale a pena?...como você vê o mercado do sexo com
esses sites?
O site tem que ter uma boa publicidade…e muitos anunciantes…assim sim tem-se sucesso…alma do negócio está
na propaganda!!
E qual foi o seu recorde de clientes num dia?
Cerca de 20 clientes… uffff…
Num texto de seu anúncio, você descreve uma cena com um cliente...Pinta muito fetiche?...Qual é o de maior
sucesso?
Muitos fetiches sim… aprendi a conhecer a alma masculina e saber o que buscam de uma transexual…Eu pra
além de transexual, sou Domme… isso mexe com os fetiches masculinos de ter uma mulher mais altiva que dê as
ordnes e conduza a relação…a dominação é o fetiche de maior incidência, seja desde uma simples relação para
ser possuído por mim…até os que envolvem humilhação verbal e os meus acessórios utilizados com vigor…
Sair com cliente sem visar o lado profissional é sinal de sucesso social?
Nãoooo, jamais… sucesso social é ter seus verdadeiros amigos por perto… é saber viver em sociadade, ter vida
social, separando a vida profissional dela… é ser puta profissional qd ninguém imaginaria que vc o fosse…como
uma médica que fica impossível de identificar que é, qd não está trabalhando… sucesso social, é estar integrada
as pessoas das mais diversas áreas sem que a sua específica interfira nas suas relações…é não misturar clientes
com amigos… a menos que isso se confirme sem nenhuma conotação sexual.
Você é objeto de desejo de muitos homens, seja pelo seu corpo, seja pelo seu jeito sensual.E ser um objeto
de desejo pode ser lucrativo.Já está rica? Rsrsrs
Ser objeto desejo é lucrativo sim…mas rica… Kakaka…. Ainda não tirei no euromilhões bebe….kakakkaa…
Você fica frustrada quando acha um cliente sexy e ele, na prática, não desenvolve todo o potencial?
Ài fico sim…muuuuito…! Risos..
No geral, a clientela prefere sentar, comer ou mamar?
Ái eles não sabem o que fazem qd me vêem…acho qe querem tudo ao mesmo tempo..ficam afoitos e
ansiosos…eu digo…”calma bebé, temos todo tempo pra nos divertirmos”….rsss
O mundo da prostituição é vasto, e nem sempre perfumado. Você pode relatar algum caso bizarro?
A recente morte trágica e prematura de uma amiga que viveu um bom tempo no Porto….Débora Mancine….presto
aqui já minhas homenagens a uma pessoa de tão bom coração!
Numa transa, o quê te dá mais tesão?
Um homem gostoso, rabudo, coxudo e bem disposto a tudo que eu quiser…O sexo oral bem feito…69….
Também transa com mulheres?
Já tive expriência com casais...mas mulheres só NÃO.
A transexy é requisitada enquanto está tudo no lugar.E quando estiver tudo caindo, o que fazer no futuro?
Viver de seus investimentos, claro…
Já apareceu alguém na sua vida que lhe fizesse pensar em parar com os programa$?
Já… qd percebi que amava um homem, que sofria por causa da forma como eu ganho a vida….Foi meu
relacionamento mais significativo e duradouro...estou há quatro anos em Portugal e durou quase todo esse tempo.
O que você admira nos clientes? A carteira ou seu jeito de amar?
A capacidade de me respeitar de valorisar o meu trabalho, de entender que sou bem mais pra além disso…
Ouvir elogios na rua é bom ou você não agüenta mais?
Ài é ótimo..adoro…aguento sim todos os elogios de coração são bem vindos…eu tenho um ego muito
frágil….kakaka

Qual o fetiche que lhe atrai mais? Já aconteceu?
É de estar com um homem que quer ser passivo pra mim… isso é fetiche…Mas já qd é alguém que estou
apaixonada não existe isso…adoro ser a mulher dele tb!!!
O que você odeia em um programa?
Falta de higiene, homens que cheiram mal…mal hálito…argh…destesto..!!
Você como profissional do sexo já foi clientes... tipo: já fez programa com outra transexy, homem ou mulher
para satisfação sexual própria?
Com transex e mulher jamais aconteceria pq nao é a minha praia. Nunca paguei…mas estive em saunas de
garotos profissionais no Rio de Janeiro e em São Paulo com amigos…e fiquei com um garoto de programa…que
resolveu secretamente me pagar uma SUITE para ficarmos mais a vontade..rsrs…
Mas acho que se um dia tivesse vontade de estar com alguém e fosse essa condição eu pagaria na boa… saberia
respeitar o lado do rapaz!
Já passou por uma situação desconfortável ao chegar a um motel seja na recepção ou na saída, que poderia
nos contar?
Já fui impedida de me hospedar num Hotel 5 estrelas do Rio de Janeiro…mas accionei meu advogado e por fim
eles não puderam me impedir de estar hospedada com um cliente francês!
Filmes pornôs, já fez, quer fazer o que pensa a respeito deles?
Nunca fiz…nem pretendo….mas adoro assisti-los….rsrs…
Tem planos para o futuro? Pretende largar a vida de programas?
Sim muitos planos…e claro que quero parar de fazer programas sim, qd tiver meus motivos adquiridos pra isso!
Hoje em dia como vai sua relação com a sua família, eles estão cientes que você faz programas?Como é a
aceitação deles?
Não sabem o que eu faço …podem até desconfiar mas nunca vou lhes dizer e até nego…. Tenho muito respeito e
amor pela minha mãezinha…!!
Para finalizar você podia manifestar-se do jeito que quiser deixando umas ultimas palavras para as pessoas
que lerem essa pequena entrevista, palavras da Alessandra Mendonça, cidadã e ser humano que como os
presentes nesse fórum é uma pessoa que batalha na vida e tem sonhos, esteja a vontade de dizer o que
quiser para encerrar essa entrevista e nos dar uma idéia de como é a Alessandra Mendonça.
É sempre um prazer contribuir de alguma forma para desmistificar a imagem deturpada da transexual na
sociedade…sempre que houver oportunidade pra isso eu o farei… muitos preconceitos precisam ser quebrados
para que algum dia haja mais opções legais para nós… sinto-me realizada com isso, em contribuir. Tem muiito
mais sobre mim no meu site e no meu blog.


2008 - Alessandra Mendonça.pdf - page 1/3
2008 - Alessandra Mendonça.pdf - page 2/3
2008 - Alessandra Mendonça.pdf - page 3/3

Related documents


PDF Document 2008 alessandra mendonca
PDF Document como emagrecer rapidamente sem exercicios fisicos
PDF Document 30maiolisboaarruaceirosembaixadores
PDF Document cenas ativistas
PDF Document 06 diadema a cidade do futuro antecipado pdfppd
PDF Document n e manh do homem de bem


Related keywords