Search


PDF Archive search engine
Last database update: 21 April at 18:52 - Around 76000 files indexed.


Show results per page

Results for «doutrina»:


Total: 19 results - 0.053 seconds

Conceito de cartas bíblicas 100%

Tudo que está na Bíblia é para lermos, mas nem tudo serve pra nós nos dias de hoje como doutrina.

https://www.pdf-archive.com/2018/05/10/conceito-de-cartas-biblicas/

10/05/2018 www.pdf-archive.com

lbdn 73%

LIVRO BRANCO de Defesa Nacional Brasil — 2012 _~ II ----------------------------------~ - - ,.lO Sumário MENSAGEM DA PRESIDENTA DA REPÚBLICA DO BRASIL APRESENTAÇÃO DO MINISTRO DA DEFESA 7 8 CAPÍTULO UM — O Estado brasileiro e a Defesa Nacional 11 PRINCÍPIOS BÁSICOS DO ESTADO TERRITÓRIO POPULAÇÃO Evolução da população DEFESA NACIONAL 12 13 17 19 22 CAPÍTULO DOIS — O ambiente estratégico do século XXI CONTEXTUALIZAÇÃO DO AMBIENTE ESTRATÉGICO Sistema internacional Sistemas regionais Atlântico Sul TRATADOS E REGIMES INTERNACIONAIS COM REFLEXOS PARA A DEFESA Regimes internacionais de desarmamento e não proliferação Regimes internacionais do mar, Antártica e espaço exterior Regimes internacionais sobre meio ambiente POLÍTICAS EXTERNA E DE DEFESA CAPÍTULO TRÊS — A Defesa e o Instrumento Militar O MINISTÉRIO DA DEFESA Estrutura organizacional Conselho Militar de Defesa (CMiD) Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas (EMCFA) Gabinete do Ministro da Defesa Assessoria de Planejamento Institucional (ASPLAN) Consultoria Jurídica (CONJUR) Secretaria de Controle Interno (CISET) Secretaria-Geral (SG) Secretaria de Organização Institucional (SEORI) Secretaria de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto (SEPESD) Secretaria de Produtos de Defesa (SEPROD) Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (CENSIPAM) Educação no âmbito da Defesa Escola Superior de Guerra (ESG) Instituto de Doutrina de Operações Conjuntas (IDOC) Instituto Pandiá Calógeras (IPC) Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB) 27 30 31 34 35 36 36 41 47 49 53 55 55 56 57 59 59 60 60 60 60 61 62 63 63 63 66 66 67 Setores estratégicos para a Defesa 68 O Setor Nuclear 68 O Setor Cibernético 69 O Setor Espacial 69 Sistemas de monitoramento e controle 71 Sistema de Gerenciamento da Amazônia Azul (SisGAAz) 71 Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (SISFRON) 72 Sistema de Controle do Espaço Aéreo Brasileiro (SISCEAB) 72 Mobilização nacional 74 Sistema Nacional de Mobilização (SINAMOB) 74 Serviço militar 75 Sistema de Inteligência de Defesa (SINDE) 77 Marinha do Brasil 78 Missão 80 Organização e meios operativos 80 Capacidades 98 Visão estratégica e articulação 99 Educação — principais escolas 102 Instituições científicas e tecnológicas 105 Intercâmbio e cooperação com outros países 106 Mulheres na Marinha 109 Exército Brasileiro 111 Missão 112 Organização e meios operativos 113 Capacidades 121 Visão estratégica e articulação 122 Educação — principais escolas 125 Instituições científicas e tecnológicas 129 Intercâmbio e cooperação com outros países 129 Mulheres no Exército 131 Força Aérea Brasileira 133 Missão 134 Organização e meios operativos 135 Capacidades 143 Visão estratégica e articulação 144 Educação — principais escolas 147 Instituições científicas e tecnológicas 149 Intercâmbio e cooperação com outros países 150 Mulheres na Força Aérea 152 PRINCÍPIOS GERAIS DE EMPREGO DO INSTRUMENTO MILITAR 153 Condução estratégica das Forças 153 Doutrina de operações conjuntas 153 Teatro de operações (TO) 154 A interoperabilidade nas operações conjuntas 155 O emprego das Forças Armadas na garantia da lei e da ordem (GLO) 156 EXEMPLOS DE EMPREGO CONTEMPORÂNEO DO INSTRUMENTO MILITAR 157 A participação do Brasil nas grandes guerras mundiais 157 A participação do Brasil em missões de paz 160 Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem 163 CAPÍTULO QUATRO — Defesa e sociedade PROGRAMAS SOCIAIS DA DEFESA Projeto Soldado Cidadão Programa Calha Norte Programa Forças no Esporte O Projeto Rondon AÇÕES SUBSIDIÁRIAS E COMPLEMENTARES RELAÇÃO DA DEFESA COM OS PODERES CONSTITUÍDOS Defesa e Poder Executivo Defesa e Poder Legislativo Defesa e Poder Judiciário A DEFESA E OS DIREITOS HUMANOS A DEFESA E A LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO A DEFESA E A ACADEMIA O Programa Pró-Defesa Centros de estudos de política e estratégia Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR) Congresso Acadêmico Outras iniciativas PESSOAL CIVIL NA ADMINISTRAÇÃO CENTRAL DO MINISTÉRIO DA DEFESA A DEFESA E O DESENVOLVIMENTO INDUSTRIAL CAPÍTULO CINCO — A Transformação da Defesa 167 168 168 168 169 170 171 176 176 177 178 179 181 182 183 184 184 185 186 186 187 191 PLANO DE ARTICULAÇÃO E EQUIPAMENTO DE DEFESA (PAED) 192 Marinha do Brasil 192 Exército Brasileiro 197 Força Aérea Brasileira 201 A administração central do MD 207 Efeitos positivos da implantação do PAED 207 MODERNIZAÇÃO DA GESTÃO 209 BASE INDUSTRIAL DE DEFESA (BID) 210 Ciência, tecnologia e inovação 217 CAPÍTULO SEIS — Economia da Defesa ORÇAMENTO DA DEFESA Regras gerais O processo orçamentário Princípios para o orçamento da Defesa Programas orçamentários da Defesa DEMONSTRATIVO DE GASTOS COM DEFESA Âmbito internacional Âmbito nacional 219 219 219 220 221 221 222 222 225 ANEXOS 234 APÊNDICE 256 Glossário 257 Índice de abreviaturas e siglas 263 Instituições envolvidas 271 Colaboradores 273

https://www.pdf-archive.com/2012/08/04/lbdn-1/

04/08/2012 www.pdf-archive.com

Resumo-Aula2 68%

Para melhor compreender a jurisdição, a doutrina aponta alguns elementos que a distinguem de outras funções exercidas pelo Estado:

https://www.pdf-archive.com/2018/03/21/resumo-aula2/

21/03/2018 www.pdf-archive.com

aula 7 - cont.geopolitica 63%

é usada para mencionar uma doutrina política com tendências autoritárias, anticomunistas e antiparlamentares, que defende a exclusiva autossuficiência do Estado e suas razões.

https://www.pdf-archive.com/2017/12/03/aula-7-cont-geopolitica/

03/12/2017 www.pdf-archive.com

Boletim 056 de 22 de janeiro de 2017 59%

ANIVERSARIANTES Aniversariante Data Contato Dâmaris Batista 23.01 Sylas Coutinho 25.01 99114-0314 98110-5059 (Lanuza) Érika Michetti Aldair dos Santos 26.01 27.01 98111-4217 99964-1934 Alexandra Nunes 27.01 98114-3030 PROGRAMAÇÃO SEMANAL Domingo Terça-feira Quartafeira 1ªSegunda do mês 1ªTerça do mês Escola Bíblica Dominical Culto Solene Reunião de oração CQC 09h 19h 06h Curso de Doutrina e Oração 20h Vigília de Oração 18h30 Vigília de Oração 18h30 Endereço Rua Barão do Rio Branco, Nº 999 – Bairro Centro Boa Vista – RR – CEP:

https://www.pdf-archive.com/2017/01/30/boletim-056-de-22-de-janeiro-de-2017/

30/01/2017 www.pdf-archive.com

Artigo (Livro Adv Pública).Março.2013 56%

Seus comentários aos Códigos de Processo Civil de 1939 e 1973 são considerados marcos no Direito Processual Civil, especialmente por chamar atenção para a importância da doutrina alemã1.

https://www.pdf-archive.com/2014/05/20/artigo-livro-adv-p-blica-marco-2013/

20/05/2014 www.pdf-archive.com

Resumo-Aula5 (1) 56%

A doutrina formula a distinção entre:

https://www.pdf-archive.com/2018/03/21/resumo-aula5-1/

21/03/2018 www.pdf-archive.com

Resenha Patrícia Nasser - Henrique Cavalieri - 2014125524 55%

Com o fim da 2ª guerra mundial, o plano Marshall e o aprofundamento da Doutrina Truman, os EUA assumem a posição de hegemon mundial, fixando o dólar como padrão e o Bacen norte americano como dono do jogo financeiro internacional.

https://www.pdf-archive.com/2016/09/29/resenha-patr-cia-nasser-henrique-cavalieri-2014125524/

29/09/2016 www.pdf-archive.com

20120905 RequerimentoDeConvocação (1) 48%

pelo Deputado CÂMARA DOS DEPUTADOS Os relevantes documentos Republica encaminhou a atenção do que a Senhora Legislativo, mediante Presidente a da Mensagem Presidencial nO323, de 17 de julho de 2012, com os textos preliminares do Plano Nacional de Defesa, da Estratégia Nacional de Defesa e do Livro Branco de Defesa Nacional e que pautam o debate sobre os rumos da defesa nacional a ser travado não só no âmbito do Poder Executivo, constitucional, no do Poder Legislativo mas também, confirmam por atribuição que estão dentro da boa doutrina as indagações feitas pelos Senhores Deputados sobre temas referentes aos programas da defesa naval brasileira.

https://www.pdf-archive.com/2012/09/17/20120905-requerimentodeconvocac-o-1-2/

17/09/2012 www.pdf-archive.com

MARX ESTADO IDELOLOGIA E DIREITO 43%

Se sua doutrina será perene ou não, somente os últimos habitantes da terra poderão dizer.

https://www.pdf-archive.com/2020/04/22/marx-estado-idelologia-e-direito/

22/04/2020 www.pdf-archive.com

713 DIREITO CIVIL V 42%

mediante a EC 66, há na doutrina divergências acerca da d) O reconhecimento de um filho não poderá ser feito por existência ou não de revogação tácita da separação.

https://www.pdf-archive.com/2014/06/04/713-direito-civil-v/

04/06/2014 www.pdf-archive.com

Ecumenismo 41%

Agosto — 2016 OBJETIVO DESTE TEXTO:

https://www.pdf-archive.com/2016/08/30/ecumenismo/

30/08/2016 www.pdf-archive.com

NS Nao e Racista 38%

A questão é que o Nacional-Socialismo é uma doutrina de amor, de orgulho e de Honra.

https://www.pdf-archive.com/2014/10/03/ns-nao-e-racista/

03/10/2014 www.pdf-archive.com

RIC 2374 2012 37%

\\ t CÂMARA DOS DEPUTADOS Gabinete do Deputado Federal Ricardo Izar Embora haja um legitimo interesse das duas Casas do Congresso Nacional no acompanhamento de perto do desenvolvimento da doutrina e da política de defesa nacional, não temos - como o que acontece para os parlamentos americano, britânico, francês e alemão - uma constante e institucional partilha com o Poder Executivo das tendências desse desenvolvimento.

https://www.pdf-archive.com/2012/09/17/ric-2374-2012/

17/09/2012 www.pdf-archive.com

Caderno de Fundamentais 32%

doutrina dos direitos naturais, ligados à própria condição de ser humano, sob a liderança de autorers como Thomas Jefferson.

https://www.pdf-archive.com/2014/06/16/caderno-de-fundamentais/

15/06/2014 www.pdf-archive.com

FKB - ACAO CIVIL PUBLICA - 20130419 25%

Tal tarefa, contudo, exige o auxilio da doutrina Segundo os ensinamentos A s s i s A l v e s , "

https://www.pdf-archive.com/2013/05/22/fkb-acao-civil-publica-20130419/

22/05/2013 www.pdf-archive.com

MP 726 15%

c) doutrina, planejamento, organização, preparo e emprego conjunto e singular das Forças Armadas;

https://www.pdf-archive.com/2016/05/13/mp-726/

13/05/2016 www.pdf-archive.com